Imposto de Renda 2019: fique atento nessas dicas

Tenho observado muita gente enrolada com o “leão” do Imposto de Renda, por pensar que fazer uma declaração anual de ajustes é simplesmente alimentar dados no programa oficial da Receita Federal.
Quem pensa assim, não tem noção dos riscos, não sabe o que é contabilidade, não preza seu patrimônio e, pode além de correr o risco de se enrolar com o fisco, omitindo informações primordiais, correr o risco de praticar crime de sonegação fiscal e/ou, por medo, pagar imposto além do devido.
Pensando nisso, resolvi fazer um tutorial de alertas, capazes de atentá-los, para o fato de não se atreveram a efetuar sua declaração, se não estiverem convictos do que estão fazendo. Sobretudo, em tempos de informações registradas, informatizadas e, sujeitas a confrontos eletrônicos.
A primeira coisa que você deve fazer é não omitir receitas de espécie alguma; cuidado com as movimentações financeiras em bancos, cartões de crédito, cheques, notas fiscais emitidas em seu nome, financiamentos, parcelamentos, pagamentos de contas cotidianas e, a sua variação patrimonial de um ano para o outro.
Além disso, lembre-se de lançar valores tributáveis na seção correta de tributáveis e, de não tributáveis e/ou tributáveis, exclusivamente na fonte, em suas respectivas seções, pré definidas no manual.
Se você recebe aluguéis de bens, recebeu herança e, ganhou quantias extras, cuidado para não declara-las de forma errada.
Lembre-se: seus gastos totais, inclusive aqueles estimados pela opção do desconto padrão, não podem ser inferiores à sua receita e, seus pagamentos e obrigações contratadas, superiores ao poder de seu patrimônio.
Da mesma forma que seu ativo, não pode ser super valorizado, sem que fundos financeiros existissem dos anos anteriores e, complementados com sua renda no ano base.
Declaração de Imposto de Renda não pode ser confiada a meros digitadores, que não tenham noção de contabilidade e economia.
Para finalizar, gostaria de lembrar que, o prazo de ajuste com a receita federal se dará entre os dias 1º de março e, à meia noite do último dia de abril.
#IRPF2019

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s